Dedicada, focada e talentosa. Assim é a estilista brasiliense Luisa Farani, que há dois anos criou sua marca homônima e, neste tempo, conquistou reconhecimento de público e mercado. As peças, minimalistas, têm a modelagem como ponto-chave e prezam pela matéria prima de qualidade. Um verdadeiro investimento para um guarda-roupa versátil e elegante.

Não é a tôa que até a primeira dama Marcela Temer se rendeu aos seus encantos, com aparição pública usando um dos vestidos da marca que investiu, desde o começo, nas vendas pelo e-commerce, showrooms e multimarcas. E agora, deu um novo passo: a abertura de uma Pop Up Store no shopping Iguatemi. O evento de inauguração acontece na segunda-feira, 10/10.

O contato mais próximo com o cliente, o feedback instantâneo, se fez necessário. Ganha a marca, mas ganha também o cliente, que pode desfrutar de uma verdadeira imersão no DNA da grife. Para isso, o primeiro ponto pensado foi a arquitetura sensorial, assinada pela renomada MAAI  Arquitetos Associados, que explora volumes arquitetônicos, texturas e elementos inusitados, como uma instalação de cordas e manequins de cimento que se misturam com as paredes.  Os móveis escolhidos para o projeto são ícones do design contemporâneo e incluem peças originais de Sérgio Rodrigues, Eero Saarinen, Thomas Heatherwick e Ray e Charles Eames.

In my first store ❤️ #LFpopup #construction #dreamsdocometrue

A photo posted by Luisa Farani (@xluisafarani) on

A experiência também passará pelos sentidos olfativos, por meio de uma fragrância desenvolvida com exclusividade para a marca Luisa Farani pela Linum, tradicional loja de homewear, comandada há 20 anos pelas sócias Isabel Flecha de Lima e Nelma Gaburro.

E as novidades não param por aí. Além de poder conhecer, provar e adquirir a nova coleção Verão e Alto Verão 2017 da marca, a Luisa Farani também apresenta sua primeira linha de Leather Goods com bolsa, carteira e cinto, a nova collab de bijuterias em acrílico com a Abi Project, marca pop de bijoux de Nathy Abi-Ackel, além de lançar sua primeira collab de sapatos com o Studio Dani Cury. A pop up foi concebida para ser uma loja conceito temporária pelo período inicial de três meses.

Durante a preparação de abertura da loja, a estilista conversou com o Coffee and Fashion e contou detalhes da nova empreitada. Confira a entrevista:

: : Muitas marcas têm deixado o espaço físico para ingressar no e-commerce, com objetivo de diminuir gastos e otimizar processos. Mas você está no movimento contrário, com a inauguração da pop up. Como surgiu essa necessidade?

LF – A loja surgiu como uma possibilidade de dar ao cliente uma experiência completa, uma verdadeira imersão no DNA da marca. Estamos muito bem no e-commerce, nas vendas em showroom e multimarcas, mas com esse distanciamento do cliente o feedback nem sempre chega com a velocidade que se faz necessária. Por isso, com a loja, o contato direto com quem nos prestigia será muito rico. Poderemos desenvolver um mix de produtos de uma forma muito mais estratégica, muito mais próxima da realidade e dos anseios dos nossos clientes.

img_7258

  • Camiseta Sentai e saia Yuri
  • Collab com Nathalia Abi-Ackel
  • Vestido GO usado por Marcela Temer
  • Nova linha Leather

: : Minimalismo é marca registrada das peças Luisa Farani, termo que remete ao conceito do slow fashion e do consumo consciente, no qual a compra está ligada não tanto a tendência, mas a qualidade, duração e versatilidade, otimizando o closet.  Como você trabalha o desenvolvimento de suas coleções e quais os valores da marca?

LF – No próximo mês completo dois anos de criação da marca, celebrando quase uma década de muita dedicação à moda. E desde o começo sempre prezei por trabalhar com matérias primas de qualidade, o que exige um grande investimento em modelagem e que resulta em alta qualidade das peças. Para mim, a roupa tem que vestir bem, mas precisa ter um toque gostoso e, o mais importante, respirar bem.

Por isso, é gratificante ter uma marca que é vista e reconhecida como minimalista. As pessoas estão comprando menos, mas investindo em produtos de qualidade, que verdadeiramente durem, e que sejam curingas, clássicas, atemporais. Sinto que estamos alcançando esse público.

: : E como foi vestir a 1ª dama Marcela Temer? Você foi procurada por seu stylist?

LF – Não. Foi um processo completamente orgânico, uma grata surpresa. Ela esteve na Ortiga, um dos nossos pontos de venda em Brasília, se encantou pelo vestido e comprou.  Ficamos muito felizes com a repercussão e isso nos abriu um leque ainda maior de consumidores. No nicho da moda, já estamos mais conhecidos, mas com essa divulgação mais pessoas passaram a conhecer nosso trabalho e descobrir a marca, tivemos crescimento de compras na loja online. Foi um acontecimento gratificante.

Pop up Store Luisa Farani

: : Com todo esse sucesso mesmo diante da crise no país, quais os próximos passos?

LF: Já estamos estudando a exportação das peças. E, é claro, o aumento da produção.

: : Para finalizar, quais as dicas que você pode dar para os novos estilistas e também para aqueles que batalham na moda e pretender ter sua marca reconhecida no país?

LF: Esteja preparado sempre. Estude, desenhe. Em algum momento a oportunidade surgirá e você precisa estar preparado para ela. Não é fácil, o caminho é árduo. Mas, se você tem um sonho, só você poderá fazer algo para concretizá-lo. E é preciso ter amor, muito amor ao que se faz. Só assim é possível obter sucesso.

 

: : Fica a Dica

POP UP Luisa Farani
Iguatemi Brasília – Ala Internacional. Lote A, SHIN Ca 4 Ca 7 – Lago Norte, Brasília – DF, 71503-504

 

Compartilhar:
Aline Sanromã
Written by Aline Sanromã
Jornalista, pós-graduada em Moda pelo Instituto Europeo di Design e Coffee Lover! O site reúne minhas duas grandes paixões e, é claro, tudo mais que enchem os olhos, os looks e o coração!